Mário Patrão sobe para 33º lugar no Dakar

Mário Patrão subiu ontem mais dois lugares para o 33º lugar da classificação absoluta e está cada vez mais perto do TOP 30. Após ter disputado a primeira parte da etapa maratona, a 10 ª especial desta edição, ligou Haradh a Shubaytah ao longo de 345 km cronometrados.

A jornada que conduziu pilotos e equipas ao Rub’ al-Khali ou Empty Quarter, um dos maiores desertos do mundo, deveria ter sido de 534 km, mas foi interrompida por decisão da organização, por forma a manter as condições de segurança. O agravamento das condições climatéricas pautado por ventos fortes esteve na base desta decisão. Recorde-se que a oitava etapa do Dakar também havia sido cancelada para motas a quads, após o acidente fatal que vitimou Paulo Gonçalves.

O piloto da KTM Factory Racing teve um andamento regular, mas prudente, optando assim por efetuar uma boa gestão entre algum cansaço que já se sente e o trabalho de revisão e preparação das motas da equipa para o dia seguinte que ainda o espera.

O piloto do concelho de Seia tem hoje pela frente um total de 744 km para cumprir, 379 dos quais cronometrados, que vão ligar Shubaytah a Haradh. O dia começou com um espetáculo que se estendeu ao longo de 80 km pelas mais belas dunas do país para de seguida conduzir a comitiva pelos passos dos pioneiros que exploraram a região em busca de petróleo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Next Post

2ª Gala Fortes – Prémios do Desporto Guardense

Qui Jan 16 , 2020
Pelo 2º ano consecutivo, o Município da Guarda vai premiar os atletas guardenses que mais se destacaram em várias modalidades, durante a época passada. Os melhores atletas, equipas, dirigentes desportivos e treinadores da época desportiva anterior, vão ser distinguidos pelo Município da Guarda na Gala do Desporto que se realizará no Grande Auditório […]