Recuperação do Hotel de Turismo da Guarda será feita por nova empresa

A empresa que ganhou o concurso para a recuperação do Hotel de Turismo da Guarda vai ceder a sua posição contratual e a obra vai ser executada pela empresa Greenfield SGPS. A assinatura do contrato de cessão da posição está agendada para esta quinta-feira, no Turismo de Portugal, em Lisboa.

O contrato de concessão de recuperação do Hotel de Turismo da Guarda, no âmbito do programa Revive, foi assinado em maio de 2018 com o consórcio MRG Property e MRG Construction, mas devido a dificuldades financeiras o consórcio vai ceder a posição contratual à empresa Greenfield SGPS.
Segundo o presidente da Câmara Municipal da Guarda, Carlos Chaves Monteiro, a  assinatura do contrato de cessão da posição está agendada para quinta-feira, às 11h00, no Turismo de Portugal, em Lisboa.
Segundo o autarca, com a Greenfield SGPS o Hotel de Turismo da Guarda “será vocacionado para o turismo de saúde no segmento de luxo” e terá cinco estrelas.
O futuro hotel terá “100 camas, das quais 50 serão residência sénior e as restantes 50 hotel de cinco estrelas.
“O investimento, reabilitação e equipamento será suportado pela Greenfield SGPS e ascende a um valor de 7,9 milhões de euros. Existe a convicção por parte desta empresa de que a primeira pedra será lançada no primeiro semestre de 2020, como momento simbólico do início das obras”, disse Carlos Chaves Monteiro (PSD), aludindo a informações prestadas pela empresa.

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.


*